UM TEXTO SOBRE QUEM ESCREVE

Leia mais

RESPONDA A PESQUISA DE PÚBLICO

Leia mais

RESENHA: NA NATUREZA SELVAGEM

Leia mais

INESQUECÍVEL FUNPOPFUN BY FANTA

Leia mais

23 julho 2014

Eu fui: Exposição Obsessão Infinita de Yayoi Kusama - SP

Sei que já está ficando monótomo as fotos dessas luzes pelas redes sociais, na verdade foi isso que me chamou mais atenção! Afinal muitas pessoas que eu conheço foram, e eu fiquei super curiosa para conhecer. Procurei na internet sobre o assunto e não achei informações, assim, tão construtivas. Então resolvi montar um post contando mais detalhadamente sobre a exposição e minha experiência lá.



A Obsessão Infinita da japonesa Yayoi Kusama (nome difícil galera) está com seus dias contados aqui no Brasil. Depois de ter passado pelo Rio de Janeiro, ela chegou em São Paulo e permanecerá aqui até o dia 27 de Julho, para seguir viagem até a Cidade do México. Ontem, terça feira, eu tive a oportunidade de visitar o Instituto Tomi Ohtake, onde se encontra a famosa exposição.


O Instituto fica localizado na Av. Faria Lima nº 201, porém a entrada principal fica na Rua Coropés nº 88 e fica a uns 10 minutos de caminhada da estação do metrô Faria Lima, linha 4 Amarela. Sem erro, saindo do metrô a sua esquerda você logo vê um enorme prédio preto e vermelho, é ali!


Além de contar com um acervo grande de obras pictóricas de Kusama, a exposição ganha grande destaque com suas salas de espelhos infinitos. Entre as instalações preferidas do pessoal está a de Espelhos Infinitos - Campo de Falos e a Espelhos Infinitos - Cheia de Brilho de vida. Ambas se encontram no andar de cima do prédio.


A exposição não passa de uma retrospectiva com 100 obras da artista, criadas pela mesma entre 1950 e 2013. Yayoi Kusama como outros artistas, relata sua visão do mundo mas o que a torna diferente é que ela sofre com esquizofrenia desde pequena,e ainda sofre de alucinações e TOC. Essa seria a grande explicação de sua obsessão por bolinhas, rostos, espelhos e neon.



O grande destaque em sim, são as filas! Não sei se é porque a exposição ficou famosa ou se é porque está com os seus dias contados, ou os dois juntos; mas enfrentei 2hrs de fila para entrar no instituto, fora o tempo que perdi nas filas para ver as instalações. Cheguei lá 11hrs como me recomendaram (hora em que o instituto abre) e mesmo assim a fila já estava imensa!!!! Não consegui visitar uma uma das salas, pois o horário estava apertado e a fila dava a volta do andar de baixo.


O que eu recomendo: 
- Cheguem um pouco mais cedo da hora em que a exposição abre.
- Comam antes, pois se pretendem ficar e observar tudo, vão permanecer bastante tempo por lá. Ou levem dinheiro pois há um pequeno restaurante lá dentro. (não sei preços)
- Se estiver com pouco tempo, seja objetivo e visite as salas que realmente quer ver. (Salas dos espelhos, quadros, e quarto negro andar de cima. Sala das bolas gigantes e quarto colorido andar de baixo).
- Vá com um número de pessoas razoável, assim o tempo passa mais rápido.
É permitido fotografar a exposição, sem flash.Qualquer outra dúvida perguntem nos comentários :)




Mais uma vez um post gigante! Hahahaha Bom pessoal, adorei/amei a exposição vale muito a pena ir, é muito fácil chegar lá de metrô, e mesmo com as filas a exposição merece grande destaque pois é realmente muito linda! Merece ser visitada, então corre que ela só vai durar até domingo aqui em São Paulo.

Ps: NOVIDADE GALERA!!!! Comprei o domínio para o blog, agora é só digitar eterna aprendiz (tudo junto) .com no navegador. Sem essa de traço e blogspot!


xxxx



11 comentários:

  1. Vi bastante posts sobe essa exposição! To curiosa! Um beijo, Na Mesma Frequência

    ResponderExcluir
  2. Oi Débora,
    uma amiga foi a essa exposição e tirou fotos, então já tinha visto parte antes,
    mas é incrível né? Uma viagem e tanto, haha.

    Um beijo, Blog Marcella Beato

    ResponderExcluir
  3. Mesmo com aquela fila interminável (tanto fora, como dentro) eu adorei a exposição, a sala dos espelhos foi o lugar que eu mais gostei, fiquei com vontade de morar lá dentro hahah

    http://minhafernweh.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Já ouvi muito a respeito desse lugar! Sou louca para ir!! <333
    Amei as fotos!!
    Beijos e fique com Deus!
    Batom de Framboesa

    ResponderExcluir
  5. Ainda não creio que a gente não se encontroooou! Meu Deus, eu cheguei morta em casa depois da exposição. 2h pra entrar, depois fila pra entrar nas salas... Mas valeu muito a pena! Eu adorei o trabalho da artista porque ela conseguiu transformar tudo aquilo que ela sentia em arte: eu achei isso incrível. Era como o refúgio dela.
    A minha sala favorita foi a de espelhos e lâmpadas coloridas, parecia que você estava mergulhada no meio das luzes! Dava pra ficar lá por horas <3

    http://aquelamalu.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Ouw débora man, mas cê sabia que esses falos era um monte de genitálias masculinas (no português educado HAHAHA), quando descobri fiquei meio O_O Mas tipo adorei a exposição, eu achei muito daora o jeito dela de se expressar. Só não curti muito pq fotografar essa sala de luzes tinha que ficar com a mão bem firme, pq qualquer movimento a foto saia tremida bem facinho! E como tinha MUITA gente, nem deu pra aproveitar muito, mas valeu a pena. E Débora, tô muito afim da gente marcar de se encontrar, sérião! UAHAUHAH fiquei muito feliz em saber q cê ia tbm HAHAH adorei o post e seu look ficou mó bonitinho! gatona, fiu fiu UAHAUHA

    beijos, @wonderlandwd
    official-wonderland.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Nossa Débora, esquizofrenia e e TOC??? Ainda bem que ela reverteu tudo isso para a arte! Gostei do trabalho da artista, pena que não dá mais tempo de visitar.
    Bjos!

    http://seiqueeusei.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Ei Débora, olha primeiro quero dizer que adorei seu blog.
    Enfim, gostei bastante dessa exposição, e da artista também. Pena que eu não moro ai em SP :(
    abraços
    http://psicotendencia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Adorei o seu blog, super fofo e estou seguindo *-*

    Fui nessa exposição também e gostei bassstante! Muito divertida apesar das filass...

    www.tekatecla.com

    ResponderExcluir
  10. Nossa que coisa mais linda =)
    Que pena que só vi agora esse post, gostaria de ter ido, adorei o post, deve ter sido uma experiência incrível, obrigada por mostrar para gente coisas que nem imaginamos, bjs, e adoro seu blog!!!
    http://bellissimamakeup.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Eu achei essa exposição incrível! Queria muito ter ido, uma pena que eu só tenha visto por fotos em blogs mesmo. Mas eu realmente queria ter visto ao vivo porque tenho certeza que me encantaria <3

    Um beijo ♥♥
    www.keepcamy.com

    ResponderExcluir

Copyright © 2014 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo